No mundo, existem mais de 45 mil espécies de aranha! E todas elas são capazes de produzir uma teia. A teia da aranha é, na verdade, uma armação de fios bem finos de seda.

Bem finos mesmo! A espessura da seda produzida pela aranha é mais ou menos 10 vezes menor que a de um fio de cabelo. E são muito elásticos. Dá para esticar bem um fio desses sem que eles se rompam – 40% a mais que o comprimento normal!

Mas como a aranha produz sua teia?

Os fios da teia são produzidos no abdome da aranha, em uma glândula chamada “sericígena”. Uma substância líquida sai do corpo do animal por pequenos tubinhos, pelas fiandeiras. Essa sustância se transforma em um fio de seda quando entra em contato com o ar. As fiandeiras controlam a quantidade e a espessura de seda que é produzida.

Esses fios formam diferentes desenhos, com diversas funções. Tudo depende da espécie de aranha e do porque ela constrói a teia. Geralmente é a aranha fêmea que produz a seda e faz a teia.

Diferentes aranhas e teias

É muito fácil encontrarmos as chamadas aranhas araneomorfas. São as mais comuns, presentes até dentro e ao redor das nossas casas. Mas também vivem em florestas, campos e todos os ambientes terrestres. Elas constroem as teias clássicas. Essas espécies podem produzir sete diferentes tipos de sedas!

As migalomorfas são conhecidas como as aranhas caranguejeiras. Elas vivem principalmente escondidas embaixo de rochas e troncos caídos, e cavam tocas. Não constroem teias para alimentação (só para reprodução) e normalmente se alimentam de insetos não voadores, como formigas, besouros, grilos e baratas. Existem também as mesothelae. A maior parte das espécies desse grupo de aranhas já foi extinta.

A teia de captura serve para prender pequenos insetos que depois serão devorados. Parte dela é coberta por uma substância viscosa, que gruda nas vítimas. A teia de cópula serve como ninho para a reprodução das aranhas, na forma de um copinho. E a teia de refúgio é uma casa para a aranha. Ela é formada por um grande emaranhado de fios, e parece um pequeno tubo.