Gatos são animais misteriosos por natureza. Cercados por lendas e mistérios, já houve até mesmo quem acreditasse que eles eram deuses. Os bichanos são tão especiais que possuem cinco dias, durante o ano, dedicados exclusivamente a eles.

Os mais populares são o Dia Mundial do Gato, comemorado dia 17 de fevereiro, e o Dia Internacional do Gato, comemorado em 08 de agosto. As datas são utilizadas pelas ONG’s para promover o cuidado correto e a adoção de gatos abandonados.

Os gatinhos também são protagonistas no dia 4 de junho, o Dia de Abraçar Seu Gato. Além disso, no Estados Unidos, os donos dos bichanos comemoram mais duas datas: o Dia Nacional do Gato (29 de outubro) e Dia Nacional do Gato Preto (17 de novembro).

Animais de hábitos noturnos, estes felinos foram domesticados há muitos anos (conheça a história da domesticação dos gatos aqui), sendo considerados bons caçadores.  Fernando Bretas, doutor em oftalmologia e professor aposentado da Escola de Veterinária da UFMG, conta que os gatos possuem os olhos voltados para frente para conseguir foca-los simultaneamente nos objetos, o que os dá uma maior noção de profundidade e ajuda na hora de caçar.

“Mas por outro lado eles são bastante míopes, não enxergam bem de longe. Talvez, dos animais domésticos, sejam os mais míopes de todos”, informa o professor.

Seus olhos também são adaptados à visão noturna, podendo captar até 200 vezes mais luz do que uma pessoa. “Ou seja, no escuro esses animais estão 200 vezes melhores que o ser humano”, destaca o veterinário.

 

gatos óculos

Apesar de conseguirem enxergar no escuro, os gatos não enxergam bem de longe. Foto: Pixabay

Óculos de visão noturna

Mas como os gatos conseguem enxergar tão bem no escuro? O professor explica que nos olhos – tanto dos animais, quanto do ser humano – existem dois tipos de células, os cones: que permitem ver luzes de alta intensidade, as luzes coloridas – e os bastonetes para ver em preto e branco.

De acordo com Fernando, os bichanos têm muito mais bastonetes que os seres humanos. O que permite que eles tenham esse óculos de visão noturna natural.

Mas atenção! Diferente do que muita gente acredita os gatos conseguem, sim, enxergar cores. O professor conta que esse enxergar depende dos tipos de células cones que os seres humanos e animais possuem.

Ele explica que existem três tipos diferentes: os que captam vermelho, os que captam verde e os que captam azul. Os gatos têm os três tipos e por isso conseguem enxergar de uma forma bem parecida com as dos seres humanos.

“Ao contrário, por exemplo, dos cachorros que não têm os que captam o verde e, por isso, não conseguem distingui-lo”, conta Fernando.